31.5.08
nos 400 anos do Padre António Vieira

Nos 400 anos do Padre António Vieira vale a pena lembrar a sua actualidade. Mas vale sobretudo a pena lembrar que esse homem que todos unanimemente aclamam, foi um dissidente. Nos dias de hoje o seu ensinamento estaria próximos dos teólogos proibidos de ensinar, dos verdadeiros profetas -- aqueles que escandalizam pela sua radicalidade. Estaria próximo dos que são acusados de relativismo porque querem pensar e viver uma Igreja verdadeiramente atenta aos problemas dos homens e sobretudo das mulheres de hoje. 400 anos depois é fácil fazer consenso e dizer que estamos perante um grande homem, esquecendo que António Vieira foi uma voz incómoda e proscrita. Foi expulso do Maranhão pelos colonizadores, foi ameaçado de expulsão da Companhia de Jesus e foi mesmo preso e proibido de pregar pela Inquisição. A melhor homenagem ao Padre António Vieira seria lembrar os profetas mal queridos dos dias de hoje. Só como exemplo pode ler-se o Leonardo Boff e a crónica do Anselmo Borges.

27.5.08
-
uma_imagem_gira


Porque é que estas coisas nunca se chamam hospitais? ah, já sei são centros medicinais lalala...

Pensamento do dia:
'A gente vai continuar' (j. palma)
'Alguns amigos são como os trocos quando pensamos neles já não os temos'
'Nada perturba tanto a vida humana como a ignorância do bem e do mal'
'Assim como as sementes traçam o destino das àrvores.
Os teus própios destinos - bons e maus - é que te configuram a vida.'


Um desenho conjunto para o dia mundial da criança começa a ser feito desde bebés, a crianças, a teenagers a jogar futebol.
Na mesa central pinta-se, conversa-se, faz-se puzzles, come-se, há quem escreva.

A posição da cabeça, o escrever à mão, o diafragma, o babar, a posição da língua, o comer ( coisas rijas: pão seco), beber/sorver por palhinha e o falar estão ligados, ginástica abdominal, vejamos:

- escrever à mão o que se vai tentar fazer, foi feito passado a computador com grande ajuda da mão esquerda, que delícia!!!
- abanar em rodopio a cabeça até estontear
- juntar 1/2 l. de baba aquecido em lume brando
- posicionar a língua em x, y, k, h ou w ao gargarejo soluçado
- o pão triturado deixar cair em migalhas para torrar
- levar ao forno uns 20 a 30 mins, deixar que aloire e amorene
- gargarejar aos soluços em dó m. a 'moda das tranças pretas'
- deixar escorrer em palhinha ginja bem adocicada (cuidado que há praí uma cadela que foi apadrinhada como ginja)
- deixar a barriga (quanto maior melhor) abanar-se em jingle bells abdominal
- retirar e colocar numa terrina, comer d'engordar até FALAR - hmmmmmmmmmmmmmmm

deus (devia escrever com letra grande, né? - D) se existe tem de ter um computador mega-abrangente que engloba na sua rede (ou uma cana de duplo ou triplo anzol) de comunicação mais completa do que um MAC+IBM+TMN+VODAFONE+OPTIMUS+FIXO.

Mary, n trouxeste nada da deutcshland para mim?

Esta merda nunca mais acaba!!??

Estou com problemas de rede, faço ? e n tenho re.

2 vezes por semana faço piscina: 3ª e 5ªs em julho vou começar a fazer praia - tiralô e...

Tenho 2 missões para esta fase ficar bom e encontrar o amor

21.5.08
vacances
CERCITOP -men martins prourem na net o meu novo posto de trabalho
Alcoitão como vais? - estamos no inicío do séc e não sabem que há uma caixa de comentários aí em baixo.

um quem quer ser milionário!

EM QUE CONTINENTE FICA O EGIPTO ?!??!??
o hotmail anda-me a tramar e passo a usar a caixa do google.


a) europa
b) ásia
c)) áfrica
d) américa

Com 27 é-se puto ou cota?
a) puto
b) já foi puto e vai ser cota
c) cota
d) depende da mentalidade de quem é

to quer dizer
a) um porco nas palavras cruzadas
b) terapia orgazinacional
c) uma sílaba de to-rren-te
d) tóó

tu aí (josé f. pedro n. rosa e...) manda-me um e-mail a explicar porque acreditas em deus, bitte, sff, s'il te plaît, please.

Ainda não pedi desculpa de não estar a ler o blog pois não? nem dos livros dados que não tenho lido -DESCULPEM

Dia 19 de de MAIO saíu no Público uma entrevista n'O PÚBLICO de GROSSBERG que importa reter alguns excertos:
:
«É um dos mais importantes pensadores de estudos culturais americanos, foi uma voz central nos debates sobre o pós-modernismo nos anos 1980 e teve papel essencial na legitimação do estudo da música popular e "cultura jovem" na universidade. Filosofia da comunicação, políticas de juventude ou as possibilidades e limitações na emergência de formações alternativas de modernidade, são temas presentes no seu trabalho.
Há uma semana deu uma conferência na Universidade Católica, em Lisboa, sobre Estudos Culturais e Problemas da Modernidade. Para ele, os estudos culturais são em primeiro lugar política e, só depois, cultura popular. Na sua última obra, denuncia a "guerra aos jovens" que é, afinal, segundo ele, a tradução de um contexto onde ninguém acredita no futuro. (...)


A própria categoria "jovem" transformou-se. Era uma idade, agora é uma ideologia. Aquilo que definia o ser "jovem" atravessa agora todas as idades.
Essa é outra questão fascinante. A geração baby-boomer, que é a minha, cresceu a pensar que a sua identidade estava na juventude. Crescemos com esta ideia que tínhamos que parecer, agir e vestir, como se tivéssemos sempre 20 anos. Não sei se é mau, nem acho que seja recusa de crescer, mas realmente isso cria um problema para os jovens que são, realmente, jovens. De repente, toda a gente é jovem. Quer dizer, com nuances, consumo a mesma música que os meus filhos.
A partir dos anos 80 a noção do que era ser "jovem" já nada tinha a ver com um corpo. Tinha um significado cultural e político. Estava em ligação com a ausência de um sentido para o futuro e percebi isso quando os adolescentes começaram a falar-me do seu ressentimento por serem adolescentes. Sentiam que tinham sido abandonados, porque à sua volta percebiam que já ninguém se sentia responsável pelo seu futuro. (…)


Mas no seu último livro vai mais longe, dizendo que os "jovens" se transformaram num problema para os mais velhos. Porquê?
Porque eles personificam o futuro, que é qualquer coisa em que deixámos de acreditar. A partir do meio do século XX, quando a "cultura jovem" se impôs, a juventude começou a ser vista como símbolo dos valores americanos. Incorporavam o sonho americano. O futuro ia ser dourado e os jovens tinham que ser moldados para que lhes fosse permitido representar essa ideia de futuro.
Mas isso mudou, porque a noção de futuro também mudou.
Hoje não há uma guerra contra os jovens, mas há uma guerra contra o futuro. Há uma presença acentuada de discursos apocalípticos e, os jovens, que representam o futuro, sofrem as consequências. Qualquer coisa que sempre demos como adquirido, como ter uma carreira ou uma pensão de velhice, é posto em causa. O problema é que se não acreditamos no futuro, não podemos ser responsáveis pelo que vai acontecer.
Ou seja, não podemos ser responsáveis pelos jovens?
Exacto. Nesse sentido, eles têm que ser qualquer coisa que pode ser controlada, porque não nos queremos sentir culpados - por não terem acesso à medicina, por serem toxicodependentes ou por não investirmos na educação pública ou na universidade.
Simplesmente, porque não acreditamos que a nossa responsabilidade é investir no presente e preparar o futuro. O contexto social mudou tanto que é difícil aceitar ou abraçar o risco. Os adolescentes estão preocupados com o futuro económico de uma forma que a minha geração não estava. (…)»

O tal JMPinto disse uma grande verdade: o JMBelo precisa de passear!

18.5.08
Daqui donde estou sentado sem estar na cadeira de rodas
Deixei de ter uma sonda q mede o corpo para saber relações normalmente saudades.
Hoje fui a uma corrida e acho q fiquei em 3ª no meu escalão.
Quero ver como vêm buscar o prémio a ana e a catarina, uma mora na capital da cultura - coimbra; outra nas alemanhas.
Será do ser-se da área de medicina q todos dizem bem???
Devia ter seguido ANIMAÇÃO CULTURAL.
Estâo a pensar ele já fazia um quem quer ser milionário mais geral para poder ganhar um lanche.
No mail q recebi das gentes do blog dizia q só escrevia eu, a rosa bela (não do olhar engatão dela para o daniel) e... é bom ou mau lembrar que foi a rita wemans que deu o nome ao blog!?
imaaginem que estão sem nada para fazer a uma 2º feira 'bora ver o zé? bora.
Eu não posso estar parado... tenoh que ficar bom!
Havia aí um post que acabava em cura que está errado porque devia estar se fôr como normalmente melhoras, estagnação and the end... será que já estagnei?
Outra piada 'ahahah, tá cheio de graça este' é quando perguntam 'como estás?' normalmente 'sentado'

13.5.08
revista IM
Com o lema "o melhor que se faz no mundo, por um mundo melhor", nasceu uma nova revista virtual que vale a pena ler:



IM: Ideias em Movimento, Impulsionadores da Mudança, Intenções Maiores, Invenções Magníficas, Itinerários da Mudança, Interrogações Marginais, Investigação Mundial, Intervalos Mágicos, Inteligências Múltiplas.

10.5.08
errata
Raramente (ou nunca) acordei uma temporada tão cedo como agora, nesta temporada de férias até para a night posso ir pode ser q apanhe uma bebedeira de vinho e posso comece a falar. O chefe de famílía 'escreveu' não 'disse'.

Dizer que o sr. ruy belo se calhar era mesmo belo e bello com 2 elles.

Quero ir todas as semanas a alcoitão ao desporto às 3ªs e a um encontro chamado acessibilidades, vou ao estádio do glorioso correr... coitados dos lagartixas e dos tripeiros. Não vou correr, vou ser empurrado.

Vão aqui http://www.mocamfe.org/cms/ e sem estar a querer condicionar-vos votem no 3º tema. É tão bom passear e ser abraçado.

Sras. da saúde cuidado porque pelo - 4 das minhas exs foram da vossa área.

Já não percebo nada, não é da ibm nem da mac, nem das redes.

Quantos caíram na do carro???

No dia em que escrevi a falar na volta a alcoitão e falei em depressão, estava e minha madre perguntou se estava triste estava em casa e o 'não'se não sai bem um esgar de cabeça para a direita e para a esquerda chegava.

vejam isto:
http://www.youtube.com/watch?v=agUX6rWx6Yw&NR=1

Felicidades para o enfermeiro redol que vai casar.

A gente vai continuar alcoitão.

Devem ter ganho as duas, deram re iguais. catarina manda akilo mal-cheiroso e pastoso q sai por um esfincter (fotos). Ontem recebi um mail aqui das gentes do estaleiro a falar em acabar porque só escrevem 3, quem!? não tenho lido.

Bom era fumar um charrito ou coca, snifar ou fumar, dava pra cabeça funcionar.
Mas as mãos tinham q mexer muito estragar é caro.

Uma amiga disse outra piada gira: nome e PS (curso política social) não do partido rosa.

O principal é q podia ter morrido e a cabeça ficou boa.

Gostava de conhecer alguém com os mesmos sintomas para tentar bater record.

Amanhã começo com terapias em men martins. Férias mas pouco.

Que é do 'tenho cara de miúdo mas sou muito rodado' (p. lamy)?

Quem escreveu o texto do 'fala' foi j. m. pinto.

follow that lines >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>CABUMPUMPUM-TÁS MORTO

8.5.08
o óscarvvai para... vale um laaanccche
kem ker ser milionário?

quem foi o expoente fundador do mocamfe?
a) olegário benquerença
b) hélder januário
c) jorge lagoa
d) hélder ribeiro

o q é o pisca?
a) um jogo nocturno
b) dta, esq?
c) uma música pimba
d) é um gajo mal-encarado do areeiro

o q é q implica um bom dia?
a) espreguiçar, bocejar e levantar
b) extroverter introversões numa rodinha à conversa
c) mokambo
d) acordar para a vida

como se dividem em idades os putos?
a) os mais velhos para a dta, o resto para a esq
b) alcateia, tribo escuteira, tribo exploradores, clã
c) pinóquios, caturras, turrinhas, guias, turras
d) pinóquios,turrinhas,caturrinhas,turras,caturras,lírios

qual é o 4º verso da música 'são dias q passam'?
a) são mãos que se dão
b) e deixam saudades de não ser assim
c) são lábios que cantam
d) pq os lírios são, lírios são

1 CARAMELO OLÉ, 2 CARAMELOS OLÉ, 3 CARAMELOS...
a) OLÉ
b) ALLEZ
c) 5 TOSTÕES POR CAUSA DOS TROCOS
d) 5 BOLÕES POR CAUSA DOS TRECOS

pente fino é
a) uma limpeza geral ao campo
b) um pente ou um massajador se fôr careca
c) um tatuador jamaicano
d) é o melhor amigo do gajo mal encarado do arreeiro e cheira mal dos sovacos

MOCAMFE quer dizer...
a) MOças CAMpestres em FÉrias
b) Mestres Orientados Com Algas Marinhas Frescas Elegantes
c) MOvimento de CAMpos de FErias
d) MOvimento de CAmpos de FÉrias

Ah, esfinctér é isso (as gentes medicinais usam este termo para designar uma coisa viscosa e mal-cheirosa, que pelo que foi dito é o músculo anal, tanto marranço para nada).

Habla con ella

Fala com a boca. Fala com os olhos. Fala com as mãos. Fala com o coração nas mãos. Fala com sete pedras na mão mas só se conseguires. Fala aos pontapés. Fala com os cotovelos. Fala pelos cotovelos. Fala com os teus botões. Fala português. Fala latim. Fala chinês. Fala desconhecido. Fala barato. Fala caro. Fala à toa. Fala pouco e bem. Fala muito e mal. Fala a verdade. Fala com a mentira. Fala com os deuses todos. Fala com o único diabo que existe. Fala com o silêncio. Fala com o São Francisco de Xavier e com os outros santos. Fala com o Amadora-Sintra. Fala com Alcoitão. Fala com o branco das paredes. Fala com o xadrez do chão. Fala com as vidraças. Fala com as varandas. Fala com o arquitecto. Fala com as empregadas de limpeza. Fala com os enfermeiros. Fala com as terapeutas. Fala com os médicos. Fala com os teus companheiros de quarto. Fala com quem ultrapassas no corredor. Fala com a cadeira de rodas. Fala para o boneco. Fala com os outros meninos e meninas. Fala à mesa. Fala com a sonda. Fala com a sopa e com a fruta. Fala com as proteínas. Fala com a boca cheia. Fala de barriga cheia. Fala com sono. Fala com os lençóis. Fala com a tua roupa dentro do armário. Fala com as meias quando descalças os sapatos. Fala com as meias horas. Fala com os dias da semana. Fala com o há bocado. Fala agora. Fala com a memória. Fala com a infância. Fala amanhã. Fala com a tua casa. Fala com o teu quarto. Fala com a tua Ginja. Fala com os teus pais. Fala com a Teresa. Fala com o Fernando. Fala com o riso do filósofo e com o colar da feminista. Fala com o verbo. Fala com o mundo. Fala com a Raquel e com o Tiago e com o Manel e com todos os teus outros amigos e amigas. Fala com a Inês. Fala com o Mocamfe e com todos os outros acrónimos. Fala com a tua viola. Fala a cantar. Fala com o Chico e com o Zeca e com os amigos deles. Fala connosco. Fala com o Benfica. Fala com quem quiseres. Fala contigo. Fala com o José Maria, com o Joaquim e com o Belo. Fala com o mar. Fala com um nó na garganta. Fala com os fantasmas. Fala com o medo. Fala com as sombras. Fala com a luz.



14 de Março de 2007

Vou fazer piscina e ter terapias. Exmos srs do cmr de alc. tratem-me de me pôr bom antes do reveillon para ver se cumpro a promessaa de ir à deutschland.



HaloScan.com