9.7.05
Gente, Pessoas e Humanos com letra grande por favor!
uma_imagem_gira

Eu tenho um anjo
Anjo da guarda
Que me protege de noite e de dia
Eu não o vejo
Eu não o oiço
Mas sinto sempre a sua companhia

Eu tenho um guarda
Que é um anjo
Que me protege de noite e de dia
A toda a hora
E em todo o lado
Posso contar com a sua vigia

Não usa armas
Não usa força
Usa uma luz
Com que ilumina a minha vida

Ele não
Não usa arma
Ele não
Não usa a força
Usa uma luz com que ilumina
A minha vida


É bonito três músicos juntarem-se para cantar outro músico, já morto ou não. É bonito a homenagem de cantar coisas dos outros. Os Humanos cantaram e mostraram António Variações com alegria e vida, e até do David Fonseca, rapaz sem sal com quem nunca fui à bola, eu gostei no entusiasmo do concerto. Lembraram letras de um daqueles homens deslocados neste mundo, sonhadores de um outro mundo. E que força teve ele!

Como acredito na protecção de anjos da guarda e dos nossos optimismos deixo-vos esta letra de uma música que ainda oiço a Manuela Azevedo cantar...



HaloScan.com