12.5.04
A bestializa��
Apenas vi um flash da entrevista � soldado americana que mais aparece nas fotografias da pris�o de Abu Ghraib. Felizmente vi s� um flash. Mais um minuto e vomitava.
N�o me chocaram s� as barbaridades que disse. Chocou-me a frieza com que falava. A serenidade com que respondia "sim" � pergunta "aconteceu algo pior do que o que vimos naquelas fotografias?". Chocou-me a consci�ncia tranquila depois dos sorrisos que mostra no meio daquelas cenas aberrantemente avassaladoras. Pareceu-me um daqueles programas em que se entrevistam psicopatas. S� que n�o era um psicopata. Era uma militar profissional que provavelmente passou por muito testes psicot�cnicos.
N�o me venham pregar as virtudes dos ex�rcitos. Uma institui��o donde sai algu�m assim n�o pode ser parte de nenhum povo civilizado. O mal n�o � pontual nem americano. A guerra nunca ser� construtora de paz. Ser� sempre uma f�brica de monstros e de traumatizados.
Temos ainda muito a crescer at� perceber isso. Como dizia algu�m, "enquanto os guerreiros forem modelo dos nossos her�is, � a sociedade no seu todo que se revela imatura."



HaloScan.com